Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



No passado dia 29 de Junho foi inaugurada a sede do Corpo Nacional de Guardas Nocturnos, na aldeia da Bemposta.

É uma honra a Bemposta receber a sede desta associação de âmbito nacional.

Esperamos que o Corpo Nacional de Guarda Nocturnos traga ainda mais segurança à Bemposta.

 

 

 

Corpo Nacional de Guardas Nocturnos

Rua dos Combatentes, nº 22 - 1º Andar

Bemposta  2670-631 Bucelas

Tel. 219680057

Tm. 965275309

www.cngn.pt

corponacionalguardasnocturnos@hotmail.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

Grupo Musical e Recreativo da Bemposta | 68 anos de Cultura, Recreio e Desporto


11 comentários

De carlos tendeiro a 17.07.2009 às 06:42

Parabens pela criação da Associação, seria bom Haver contactos disponiveis.

De José dos Santos a 17.07.2009 às 07:48

Seja bem vindo quem vem por bem.

De José Medeiros a 17.07.2009 às 16:03

Parabéns pela inauguração da vossa sede! Gostaria de conhecer a vossa estrutura e de vos poder contactar.

De Jorge Cavalheiro a 26.07.2009 às 23:20

São sempre bem vindos, desde que seja para unir os Guardas Nocturnos, espero que seja esse o fim desta Associação.
Gostava de saber o endereço da página da internet desta Associação. Se for possivel enviem-me um E-mail para gn.venteira.igreja@gmail.com

De Anónimo a 17.08.2019 às 02:03

isto iziste

De gmrbemposta a 30.08.2019 às 22:40

Já não existe.

De JJS a 18.08.2009 às 23:51

Gostaria de contactar o Corpo Nacional de Guarda Nocturnos,alguém poderia-me facultar os contactos dessa associação.

De Coruja a 29.08.2009 às 12:57

Guardas-nocturnos: uma classe à deriva

O MAI diz que somos 400. Portanto, um numero relativamente reduzido para pressionarmos na defesa dos nossos direitos, quando exercemos a actividade ligada a uma área que envolve interesses muito poderosos, como são as empresas de segurança privada.

Como se isso não bastasse, a classe em vez de se unir numa instituição com alguma força, opta por criar "associaçõezinhas", aqui e ali.

Até há pouco tempo a classe era representada na tutela pela Associação Nacional de Guardas-Nocturnos, única até então existente. De repente, e quando a classe é "atacada" com a retirada das armas, há colegas que em vez de estarem disponíveis para unir esforços "a uma só voz", decidiram começar a criar associações e sindicatos. Tudo para satisfazer as suas vaidades pessoais, em vez de servirem a classe com sentido solidário.

Agora até existe uma cabeça "iluminada" que está a criar um Sindicato. Então, mas a classe dos guarda-nocturnos é assalariada para ter um Sindicato? Quando quisermos que os nossos contribuintes nos paguem mais fazemos greve?

Um Sindicato só fará sentido se passarmos a assalariados do Estado e recebermos 500/600 euros mensais. Será essa a intenção da cabeça "brilhante"?

Fernando Rodrigues, actual presidente da direcção da ANGN, não está isento de culpas neste desnorte da classe. Já que gere a Associação mais preocupado com o seu próprio umbigo do que com a classe. Mas, e apesar disso, dá a cara pela classe e, em eleições recentes, foi o único que apresentou uma lista candidata aos órgãos sociais da ANGN. E, quando, há uns anos atrás, foi afastado da direcção, não deixou de pagar quotas na ANGN para criar uma estrutura paralela para enfraquecer a classe.

Moral da história: guardas-nocturnos à deriva, e entregues a umbigos vaidosos.


Coruja

http://corujasdeportugal.blogspot.com/

De americo luz a 24.10.2009 às 13:59

gostaria de saber o preço das cotas para poder contribuir e gostaria que me envia-se os vossos conctactos um bom dia e bem aja para a nova associaçao

De jose sampaio a 17.11.2010 às 13:29

bem axam esses guardas nocturnos!
se á guardas nocturnos porque nao retirarem certos profissionais do desemprego?
tantos assaltos em todoas as localidades de portugal e nada fazem com a crise que há é impossivel as autoridades lidar com a situação.
não sou guarda nocturno mas gostava de ser estou desempregado sem vencimento algum mas nao me importava de se mais um guarda nocturno nem que tivesse que fazer alguma formação para tal só para defender esses larápios que andam á solta.

cumprimentos

De Artista a 26.03.2011 às 20:45

Oh sampaio, ser Guarda-Nocturno para defender os larapios que andam á solta, acho que se enganou na profissão

Comentar post



contactos

Rua da Capela, 1 - Bemposta 2670-631 Bucelas T. 219694039 gmrbemposta1951@gmail.com



historial

O Grupo Musical e Recreativo da Bemposta foi fundado em Janeiro de 1951, tendo como objetivo a dinamização Cultural, Recreativa e Desportiva. O ano de 1977 assinala um marco importante na vida da coletividade, a construção da atual sede fruto da união e do trabalho do povo da Bemposta. Com a nova sede são criadas as condições necessárias para o desenvolvimento de novas atividades que vêm satisfazer os associados e a população em geral, contribuindo para a melhoria da qualidade de vida da comunidade local. O GMRB tem à disposição dos atuais 400 sócios, um bar, uma sala de jogos, um parque infantil e um campo de jogos. Realiza espetáculos de caráter lúdico e recreativo, exposições temporárias e é uma das coletividades organizadoras da Festa do Vinho e das Vindimas de Bucelas. Toda esta dinâmica associativa está aliada às novas tecnologias, com a disponibilização de um site on-line, com a presença nas redes sociais e com um canal televisivo na Meo Kanal. O GMRB foi vencedor do prémio “Melhor CCD Inatel” no ano de 2007 e 2009. No ano de 2015 recebeu a Medalha de Honra do Concelho atribuída pela Câmara Municipal de Loures. Desde maio de 2019, o GMRB é membro da rede de associações e clubes para a UNESCO, com a criação do Clube UNESCO da Cultura Saloia. Atualmente tem como atividades regulares: rancho (adulto e infantil), ginástica (infantil, juvenil, sénior, manutenção, aeróbica, step, zumba), escola de concertinas, tertúlia do croché e museologia.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2007
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2006
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D